8 de março

3 comentários sobre “8 de março”

  1. Admito que nunca me chamou tanta atenção o caso do dia das mulheres, mas pela mesma lógica o que me espantou no mês de Março foram as mensagens que tomaram conta do Facebook parabenizando todos com síndrome de Down. Cheguei a ver comentários de pais quase que desejando aos outros que tenham filhos tão iluminados. Me parece ser um caso um pouco diferente, as mulheres são parabenizadas por motivo nenhum (afinal ninguém lembra mais nem o porquê da data), enquanto que os portadores de síndrome de Down são parabenizados… por serem “iluminados”, “únicos”, vários outros adjetivos que na verdade escondem o duro “deficiente”.

    Sou obrigado a discordar do seu argumento com relação a não parabenizar as mulheres, o argumento seria válido se todos pensassem do seu jeito com relação ao assunto. Eu acho que é um parabéns vazio, mas não dá pra falar isso pra maioria das namoradas ou mães. O mesmo vale pra o aniversário aliás,
    né? 😀

    Curtir

    1. Pelo contrário. Para as pessoas que sou mais próximo, eu explico justamente isso.

      Não tenho a mesma opinião sobre o aniversário. A passagem do tempo é uma coisa complicada. Acho que por isso a gente dá os “parabéns” por mais um ano.

      Curtir

  2. É, pela minha experiência eu sou taxado de pessimista, chato ou simplesmente desagradável pela maioria das pessoas que eu exponho esse tipo de opinião, então eu prefiro simplesmente dar uma caixa de chocolate/flor/qualquer coisa do gênero e um “parabéns”, que eu interpreto mais como parabéns pelas qualidades da pessoa do que qualquer outra coisa.

    Vejo o aniversário mais ou menos da mesma forma, não celebro o fato de ter nascido ou de simplesmente estar vivo por mais um ano, celebro o que vivi nesse período, conquistas, desenvolvimento. A simples passagem do tempo, de ter meramente sobrevivido por mais um ano, a meu ver não tem muito mais sentido do que o dia das mulheres.

    Curtir

Os comentários estão desativados.